quinta-feira, 24 de fevereiro de 2011

Queria saber ler...



Queria saber ler o teu silêncio.

Queria saber ouvir o que não dizes.

O que gritas nesse olhar apático que não consigo ouvir?
Diz-me, diz-me, agarra a minha mão e conta-me.

Contas de várias cores que passam pelas palavras que usas e que contam o que não importa,
Aumentam o silêncio desse olhar que sei que chora por não saber falar!

Queria tanto saber ler!

2 comentários:

Multiolhares disse...

por vezes há palavras caladas na garganta que por mais que tentemos ficam presas
bjs

Drika Reis - A Arqueira da Lua disse...

Adorei o seu cantinho.... parabéns!!!!